Impostos para clínicas médicas: saiba quais são

impostos-para-clinicas-medicas

Saber quais impostos para clínicas médicas devem ser arrecadados é um dever de todo empreendedor que atua na área da saúde.

Contudo, todo e qualquer empreendimento no Brasil, independentemente do seu tamanho e segmento, precisa lidar com uma carga tributária complexa. Inclusive, pesquisas indicam que o sistema tributário brasileiro está entre os mais burocráticos do mundo. Esse fator pode gerar dúvidas e insegurança ao empresário.

Portanto, um erro muito comum na administração de uma clínica médica, mas que deve ser evitado a todo custo, é a falta de acompanhamento dos impostos que incidem sobre esta atividade econômica.

Quando isso ocorre, não é incomum que sejam pagos mais impostos do que de fato é devido, trazendo prejuízos financeiros. 

Desse modo, ter clareza sobre os aspectos tributários de um negócio é algo importante para a saúde financeira. 

A fim de esclarecer todas as dúvidas, elaboramos este artigo para explicar quais são os impostos para uma clínica médica. Leia mais e confira!

Aproveite para ler mais tarde: CRM médico: principais dúvidas sobre o assunto.

Clínicas médicas: como é feito o recolhimento de impostos?

O empreendedor, ao montar uma clínica médica, precisa lidar com uma grande quantidade de burocracias. Entre elas, está a escolha do regime tributário mais adequado.

É essa modalidade de tributação adotada que vai definir as regras para a apuração e o sistema do recolhimento dos impostos de uma clínica médica.

Dessa forma, a opção por um dos três regimes disponíveis no Brasil (Simples Nacional, Lucro Presumido e Lucro Real) se apresenta como uma decisão crucial na vida de um empreendimento. Afinal, cada modelo possui suas próprias regras para o recolhimento de taxas, impostos e tributos de origens distintas.

Neste processo, cabe bastante atenção, visto que sua escolha só poderá ser alterada no próximo calendário fiscal. Portanto, é indicado que o empresário tenha o auxílio de um serviço especializado, como uma contabilidade digital.

Os profissionais contábeis, especialistas na apuração e cálculo de impostos para clínicas médicas, podem se tornar parceiros do empreendedor, auxiliando-o nessa e em outras demandas necessárias ao desenvolvimento organizacional. 

Leia também sobre: Credenciar planos de saúde: Conheça o passo a passo.

Quais os regimes e impostos para clínicas médicas?

Não é possível falar sobre os impostos que devem ser pagos por uma clínica médica sem falar sobre regime tributário, visto que são eles que norteiam como os tributos devem ser recolhidos. 

Desse modo, existem alguns modelos de regime tributário disponíveis para as empresas do país. São eles: Simples Nacional, Lucro Real e Lucro Presumido. Confira quais impostos incidem sobre cada um!

Simples Nacional

Para a apuração e recolhimento dos impostos para clínicas médicas, um dos regimes que podem ser escolhidos é o Simples Nacional.

Tratando-se de um dos modelos mais populares e adotados pelas empresas no Brasil, o Simples Nacional é de fácil gestão, simplificando a vida dos empreendedores.

Este regime faz a apuração e o recolhimento dos impostos de forma unificada. Por meio do Documento de Arrecadação do Simples Nacional, o DAS, o contribuinte paga:

Ou seja, por meio do Simples Nacional, as clínicas médicas não precisam fazer a apuração dos impostos de forma isolada e a cobrança é pré-fixada com base no faturamento estimado. 

Este regime possui uma tabela predefinida de alíquotas. Uma clínica médica se enquadra no anexo V, onde o percentual varia entre 15,5% a 30,5% sobre o faturamento anual.

Há uma outra possibilidade de ter menos onerosidade tributária dentro desse regime, que se dá pelo cálculo do “Fator R”. Caso sua empresa tenha um gasto maior que 28% do faturamento com a massa salarial ela pode se enquadrar no Anexo III, com alíquotas entre 6% a 33%.

No entanto, para que um empreendimento se enquadre no Simples Nacional, ele precisa ter um faturamento anual de até R$ 4,8 milhões.

Lucro Real

O Lucro Real, diferentemente do primeiro modelo apresentado, possui regras de recolhimento mais complexas. Neste regime é feito o cálculo do IRPJ e do CSLL sobre o lucro efetivo obtido por uma clínica médica.

Nessa modalidade é de extrema importância que seja adotado um controle financeiro rígido. Isso porque o cálculo dos impostos é feito a partir da receita da clínica, subtraindo as suas despesas.

Toda empresa com um faturamento maior que R$ 78 milhões é obrigada a se enquadrar no Lucro Real.

Lucro Presumido

Assim como no Lucro Real, o regime tributário Lucro Presumido também faz o cálculo do IRPJ e do CSLL.

No entanto, o cálculo é feito de uma maneira diferente. Aqui, a Receita Federal é a responsável por presumir o lucro obtido por uma clínica médica, tornando o processo mais simples.

Sendo assim, com a utilização de tabelas de alíquotas definidas pela Receita Federal, a clínica fará o cálculo desses impostos.

Para que uma clínica médica seja enquadrada no Lucro Presumido, é necessário que ela tenha um faturamento anual abaixo de R$78 milhões.

Como escolher o melhor regime tributário para sua clínica?

Com o auxílio de uma contabilidade para clínicas e consultórios médicos, o empresário pode avaliar qual o melhor regime tributário de acordo com o seu modelo de negócio. 

No entanto, existem alguns fatores que devem ser levados em consideração na hora dessa escolha. Dentre eles, podemos citar:

  • Análise e registro de todas as obrigações fiscais e trabalhistas;
  • Registro de todas as despesas de uma clínica médica;
  • Realização de projeções de faturamento;
  • Levantamento das atividades econômicas desempenhadas;
  • Análise da margem de lucro.

Após esta análise, os empreendedores terão as informações necessárias para fazer a escolha do melhor regime tributário. Esta definição permite compreender e seguir as regras instituídas para o recolhimento dos impostos da sua clínica médica.

Conte com suporte especializado!

Para calcular os impostos para clínicas médicas e lidar com todas as burocracias tributárias, é fundamental contar com o apoio de uma empresa de contabilidade.

Os profissionais contábeis são especialistas em questões tributárias e podem auxiliar quanto ao tratamento das burocracias. 

Precisa do suporte de uma contabilidade para clínicas e consultórios médicos? Conte com os serviços do E-contador Legal.

Somos uma contabilidade digital e prestamos assessoria por meio de uma equipe especializada na realização dos serviços contábeis oferecidos aos nossos clientes, voltada para a qualidade e eficácia no cumprimento de prazos, atendimento e sigilo.

Sendo assim, aproveite para entrar em contato conosco e descobrir como os nossos serviços podem ajudar a sua empresa!

Aproveite também para seguir as nossas redes sociais e acessar o nosso blog para ver mais conteúdos de valor. Além disso, aprenda a credenciar planos de saúde: conheça o passo a passo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *